CORAL TIROLLI

Apresentação do Coral Tirolli no dia 20 de Julho de 2017 na missa das 18:00hs




COMEMORAÇÕES DO DIA 20 DE JULHO DE 2017


Hoje é dia de Santo Elias Inspirador da Ordem do Carmo, dia da Amizade e também aniversário do nosso querido FREI  LINO.

   
                                                                                                               

Obs. Uma observação se faz sempre no fim de um texto escrito mas a pedido e sob a orientação do Frei faço agora.
Nos encontros sobre “O Tratado da Verdadeira Devoção À Santíssima Virgem Maria” ficou claro no nossos entendimento  que o livro foi escrito no sentido de resgatar os valores cristãos do nosso Batismo. Assim sendo ficou claro também que  é mais importante a data da comemoração  do  Batismo do que propriamente  a data da comemoração  do  Aniversário

Há uma oração na Liturgia das Horas correspondente à  Laudes da 2ª feira,  da   I Semana  que diz :
“Inspirai Senhor as nossas ações e ajudai-nos a realizá-las, para que em vós comece e termine tudo aquilo que fizermos..”
Todas as vezes que faço essa oração me reporto à figura de Frei Lino cuja presença nesta comunidade devemos agradecer fervorosamente à Virgem do Carmo.

Porque me reporto à figura de Frei Lino é simples !

O Senhor inspira-lhe as suas ações e ajuda a realizá-las em tudo o que ele faz. Faz tudo numa oferta de si mesmo atento ao chamado de Deus; correspondente assíduo à sua vocação de sacerdote.
Seu trabalho de Assistente Espiritual  junto aos  grupos de espiritualidade:
Legião de Maria, Equipes de Nossa Senhora, Apostolado da Oração, Confraria da Nossa Senhora da Boa Morte, Adoração Perpétua, Ordem Terceira do Carmo contam com a sua  presença e assiduidade, competência e preocupação constantes.
Paralelamente ao exaustivo trabalho de Assistência Espiritual  mencionada e estar atento à administração das atividades do Convento, atualmente, Frei Lino vem assumindo a responsabilidade monumental  frente às exigências  de restauração das duas Igrejas que  compõem o maior Patrimônio Histórico da Cidade de Santos.  Reconhecidamente...
Frei Lino...
“Inspirai Senhor nossas ações e ajudai-nos a realizá-las“...como já vimos, diz a oração, também nos envolve a todos  que fazemos parte desta família carmelitana, no que diz respeito ao apoio   total  que lhe oferecemos; também sem medida: COMO SEUS AMIGOS.
No dia  em que comemoramos  Santo Elias inspirador da Ordem do Carmo e também o seu aniversario queremos lembrá-lo sempre  de que “Aquele que encontra um amigo encontra um tesouro” . (Eclesiástico)
Receba com carinho o abraço amigo de todos que aqui vieram para  cumprimenta-lo!

POR  MARLENE MAZZEI

DIA DA AMIZADE


"AMIZADE"



O importante da amizade não é conhecer o amigo,
e sim saber o que há dentro dele.
Ser amigo não é coisa de momento, de dias,
São gestos, palavras, sentimentos que se solidificam no tempo,
E não se apagam jamais.

O amigo revela, desvenda, conforta.
É uma porta sempre aberta em qualquer situação.
O amigo na hora certa, é como,
O sol do meio dia,
A estrela na escuridão.

O amigo é milagre do calor humano,
Que Deus opera no coração.



Santa Tereza D'Avila disse:

"A amizade é a mais verdadeira realização da pessoa".

Que neste dia da amizade possamos refletir:
< Sou amigo de verdade???>
E pedir a DEUS que nos dê a graça em  viver santas amizades.

Rita Sanches
20/07/2017
Missa das 12:30hs


"NATALÍCIO DOS CRISTÃOS UM PARABÉNS"


De Germano
Para Frei Lino de Oliveira

Vocação é um chamando de Deus, é um dom que Ele concede a cada um de n´s para realizar um missão.

" Vem e segue-me, eis o convite de Jesus, que nos Chama pra segui-lo e anunciar a todos os povos o Reino de Deus.

Nossa primeira vocação é o chamando à vida.
"Antes que fosses formando no ventre de tua mãe, antes do teu nascimento, te conhecia e te consagrei, pra ser meu profeta entre as nações te escolhi. (Jr 1,5)"
Quem chama e nos capacita para a missão é Deus. A nós, cabe apenas responder SIM ou Não ao seu chamado.
Através do batismo, Deus nos Chama a sermos profetas, sacerdotes e reis, ser sinal de sua presença no mundo, templo vivo onde habita o próprio Deus; somos chamados a sermos santos, ou seja, Ele nos concede dons, talentos, liberdade e o desejo de ser feliz.
Mas para realizar o plano de Deus em nossa vida, Ele nos faz um chamado específico: vivermos a nossa vocação como leigo, sacerdote ou religioso. Assim, cada um , conforme sua vocação, é chamado a colaborar na construção de um mundo justo e fraterno.
Vocação sacerdotal: o padre é chamado a exercer seu ministério por meio da pregação da Palavra de Deus e dos sacramentos, estimulando nos fiéis o amor ao Reino de Deus.
Os religiosos são pessoas que se  consagram totalmente a Deus e serviço dos irmãos mais necessitados. O ponto de partida desta vocação, está em seguir Jesus Cristo mais de perto.

Vocação Laical: os fiéis leigos são cristãos que estão incorporados a Cristo, pelo batismo, que formam o povo de Deus. São pessoas chamadas a transformar a sociedade, anunciando o Evangelho: no meio em que vive; no mundo do trabalho, da cultura, das ciências e das artes, da política, dos meios de comunicação e da economia, na família. São homens e mulheres da Igreja, no coração do mundo; homens e mulheres, comprometidos com a construção de um mundo novo.
O centro de todas as vocações é a vivência profunda da vocação batismal. Somos Chamados a viver e a transmitir a comunhão com a Trindade. A Igreja "atrai", quando vive em comunhão, pois os discípulos de Jesus serão reconhecidos se amarem-se uns aos outros como ele os amou.

Que durante este ano você saiba eternizar na sua vida e no seu caráter tudo aquilo que é bom e que é  uma bênção para os outros. Com certeza Deus te guiará nesse processo. E que você também saiba esquecer as coisas que não são boas e que atrapalham o progresso da tua vida
Tudo de bom Frei Lino hoje e sempre!


Missa das 07:30hs 
Convento do Carmo 20/07/2017

TRATADO CAPÍTULO V




CAPÍTULO V – OS MOTIVOS QUE DEVEM TORNAR ESTA DEVOÇÃO RECOMENDÁVEL PARA NÓS

            A princípio serão tratados  aqui neste simples resumo o conteúdo central dos artigos I e II do capítulo V do Tratado da verdadeira devoção à Santíssima Virgem.
            Nos itens de 135 a 138, São Luís Maria Grignion de Montfort nos ensina e nos mostra a excelência em consagrar-se totalmente a Cristo, sem reservas, por meio da Virgem Maria. Como resistir a Aquele que nos amou primeiro e se entregou por, sem reservas, para nossa salvação eterna? A Virgem Maria que viveu toda a sua vida a escuta de Deus e com total confiança se entregou nas mãos do Pai, nos acolhe e nos orienta apontando o caminho “Fazei tudo que Ele vos disser” (Jo 2,5) , com isso a nossa entrega a Nosso Senhor Jesus Cristo por Maria exige de nós:

1.            Estarmos inteiramente a serviço de Deus, por Maria:   
  • Doar-se por inteiro, generosamente: 
  • O pensar;
  • O querer;                                                                 Serviço sem reserva     
  • O julgar;
  • Os sofrimentos.

            Sendo assim, o estudo do Tratado da verdadeira devoção à Santíssima Virgem nos convida a devotarmos a nossa vida por amor a Jesus em Maria e com Maria, a primeira discípula do Senhor.

            Nos itens de 139 a 143 nos revela que o segundo motivo da perfeita devoção à Virgem Maria nos faz imitar o exemplo dado por Jesus Cristo e também de praticarmos  virtude da humildade.
            Reconhecendo que somos indignos de recebermos das Mãos do Senhor todas a graças e o próprio Cristo, para nossa salvação, Deus no-lo concede por meio de Maria. A Santíssima Virgem tornar-se um aqüeduto pela qual fluir todas as graças Deus para a humanidade. Jesus sendo verdadeiro Deus, mostrou-se verdadeiro Homem ao ser submisso a seus pais, à  Maria. Com isso o Criador, confiou-se à sua criatura, à Maria plena em graça, já profetizada  no Gênesis, para querer dela depender em sua infância, tornando-se para nós também modelo de humildade e obediência. Também é por Maria que nos membros do corpo místico de Cristo. Fomos gerados em Maria aos pés da cruz, representado no momento em que Jesus confiou sua santa mãe ao seu discípulo muito amado:


Só por meio dela o pai nos deu e nos dá seu Filho, só produz outros filhos ela, e só comunica suas graças através dela. Somente por ela Deus Filho formado para todo o mundo em geral; só por ela, em união com o Espírito Santo, ele é formado e gerado todos os dias. Somente por meio dela o Espírito santo formou Jesus Cristo, só por ela forma os membros de seu corpo místico, e não dispensa seus dons e favores a não ser por ela. " ( São Luís Maria G. de Montfort, pg 94, 2016)

                                                   

            Por isso ao oferecermos o nosso labor, trabalho e ação por Maria a Cristo e tudo o que possuímos e reconhecendo a nossa indignidade de aproximarmos de Jesus  e de sua infinita Majestade recorremos a Virgem Maria como nossa mãe e intercessora para que com ela possamos nos oferecer totalmente e sem reservas, com humildade nos consagramos a Deus nosso Senhor.


Kátia Cruz

VINTENA DE NOSSA SENHORA DO CARMO


A COROAÇÃO E PROCISSÃO DE NOSSA SENHORA DO CARMO
16/07/2017














FESTIVIDADES A NOSSA SENHORA DO CARMO


PREPARAÇÃO PARA A COROAÇÃO DE NOSSA SENHORA DO CARMO
MISSA DAS 18: HORAS SOLENIDADE DE NOSSA SENHORA DO CARMO 16/07/2017




;;